Restos de Colecção: "Palace Stand" e a "Chevrolet" em Portugal

Notícias do Blog

Foram actualizados os seguintes artigos: "Livraria Ferin", "Casa Memoria" de Santos Beirão, "Fotocolor" - Fotografia e Cinema e Cinema "Arco Iris". Para aceder rapidamente aos mesmos, consulte a página "Alfabético e Actualizações" em "Índices e Actualizações" // Lembro que a página "Ano ou Data de Inaugurações e Eventos", disponível no menú "Dados Históricos", é actualizada regularmente com novas entradas // Para conhecer as novas funcionalidades e aceder a novas plataformas de informação neste blog, consulte a "Folha Informativa", disponível na barra lateral    //    Para melhor conhecimento destas alterações aconselha-se, igualmente, uma visita, ou revisita, ao "Guia do Blog", disponível tambem na mesma barra lateral

8 de setembro de 2019

"Palace Stand" e a "Chevrolet" em Portugal

O “Palace Stand” , da firma “Mantero & Mendonça, Lda.” abriu as suas portas em 1920, na Praça dos Restauradores, em Lisboa, passando a ser o primeiro concessionário, e agente exclusivo, para Lisboa, da marca de automóveis americana “Chevrolet”, a partir da “General Motors Peninsular, S.A.” sediada em Barcelona. A "Mantero & Mendonça, Lda." mantinha as suas oficinas e armazéns na Praça Sá da Bandeira, em Lisboa.

"Palace-Stand", na Praça dos Restauradores (dentro da elipse desenhada)



Anúncio publicitário de 30 de Maio de 1920


Oficinas e armazénsda "Mantero & Mendonça, Lda.", na Praça Sá da Bandeira , em 12 de Abril de 1927


Automóveis "Chevrolet" de partida para o Porto em 12 de Abril de 1927


Lembro que a “Chevrolet Motor Car Company”, foi fundada pelo piloto de corridas e engenheiro de automóveis suiço Louis Chevrolet e por William C. Durant, fundador da “General Motors”, em 1911. A estes juntar-se-iam os parceiros de investimento, William Little (fabricante do automóvel “Little”), Edwin R. Campbell (genro de Durant) e, em 1912 o canadiano R.S. McLaughlin.

Louis Chevrolet ao volante do protótipo de 1911, carro que se tornaria no “Classic Six”, o primeiro “Chevrolet” a ser produzido em 1912


Anos mais tarde, William Durant viria a utilizar  a “Chevrolet Motor Car Company” para adquirir uma participação maioritária na “General Motors”, com uma fusão reversa ocorrida em 2 de Maio de 1918 e impôs-se à presidência da mesma. Após a segunda expulsão de Durant em 1919, Alfred Sloan, com sua máxima «um carro para cada bolsa e propósito», escolheria a marca “Chevrolet” para se tornar a líder de volume da família “General Motors”, vendendo veículos convencionais para competir com o “Ford Model T” de Henry Ford. Em 1929 a GM ultrapassava a “Ford Motor Company” como o carro mais vendido nos Estados Unidos.

Dois anos depois da abertura do "Palace Stand", Justino Ferreira dos Santos, pioneiro no ramo automóvel que tinha começado a sua vida profissional a comercializar chassis para camions, pneus "Dunlop" e "Goodyear" e gasolinas e óleos "Shell", funda a "Garagem Justino", em Oliveira de Azeméis, a em 27 de Outubro de 1922.

Entretanto já Justino dos Santos tinha iniciado, em 1922, a representação da marca "Chevrolet", para o distrito de Aveiro, nas instalações da "Casa Africana", na Rua Bento Carqueja, em Oliveira de Azeméis, a partir, também, da “General Motors Peninsular, S.A.”.

Agência Oficial para o distrito de Aveiro na "Casa Africana" em Oliveira de Azeméis


“General Motors Peninsular, S.A.”, em Barcelona


Entretanto a "General Motors Overseas Corporation" instala, em 1925, um subsidiária em Portugal com a denominação de "General Motors Overseas Corporation - Lisbon Branch", e cujo seu percurso pode ser consultado neste blog no seguinte link: "General Motors em Portugal".

Camionete da "General Motors Overseas Corporation - Lisbon Branch"


Reclamo luminoso na Praça D. João da Câmara, em Lisboa


Em 1926, a "Senha d'Ouro de D. Tavares sorteava um "Chevrolet" ...


E em Outubro de 1926 ...


O "Palace Stand" ofereceria para 1º prémio do "Concurso Gente de Teatro", cujo sorteio se realizou no "Teatro São Luiz" a 20 de Janeiro de 1928, um "Chevrolet" Touring que seria ganho por Raúl Ferreira Galinha.

"Chevrolet" Touring em exposição no Jardim de Inverno do "Teatro São Luiz"


O vencedor Raúl Ferreira Galinha, junto ao seu belo carrinho


Táxi "Chevrolet" na Avenida da Liberdade, em Lisboa a 17 de Julho de 1927, durante a "Semana dos Hospitais"


Em 5 de Março de 1928 é inaugurado o novo "Palace Stand", na Rua Eugénio dos Santos no "Palácio dos Condes Povolide" (pertença de Henry Burnay), ocupando o espaço outrora arrendado pelo "Depósito de Carruagens Anastacio Fernandes & C.ª". A inauguração deste novo stand, propriedade da firma "Alexandre de Mendonça Alves, Lda.", teve a presença do Chefe de Estado, o General Óscar Carmona.

"Palace Stand", na Rua Eugénio dos Santos e antes da sua inauguração


Alexandre de Mendonça Alves


Cerimónia de inauguração com a presença do Chefe de Estado General Óscar Carmona





Publicidade em 5 e 6 de Março de 1928

Modelos e preços da "Chevrolet" nos Estados Unidos da América, em 1928


16 de Fevereiro de 1929




O Chefe de Estado, General Óscar Carmona seria agraciado com uma singela oferta ... um Chevrolet Imperial Landau Convertible


Quanto às antigas instalações do "Palace Stand", - no edifício contíguo ao Cinema e Teatro "Éden" - viriam a ser ocupadas pela famosa "Taverna Imperial", inaugurada em 31 de Dezembro de 1930, e que ainda existe.

"Taverna Imperial" (dentro da elipse desenhada) já a funcionar nas antigas instalações do "Palace Stand"


Em 21 de Janeiro de 1929 a firma "Alexandre de Mendonça Alves, Lda.", inaugura uma filial em Setúbal.



Quanto à representação da "Chevrolet" na cidade do Porto, só encontrei dois anúncios publicitários na revista "Guiauto", que curiosiosamente  ... em 31 de Julho de 1929 a firma "Diniz & Mendonça, Lda." publicita a sua representada "Chevrolet" e no anúncio seguinte de 31 de Agosto seguinte, lê-se « Dirija os seus pedidos ao antigos agentes Diniz & Mendonça, Lda.» ....
31 de Julho de 1929



31 de Agosto de 1929


No mesmo ano de 1929 a "Chevrolet" era representada em Coimbra pela firma "Simões Figueiredo & C.ª, Lda.".

19 de Janeiro de 1929


Igualmente em 1929 em Santarém o representante da marca era a firma "Supardo, Ltd.".

12 de Outubro de 1929


Contudo, a existência do "Palace Stand" foi efémera e terá encerrado em 1931. Quanto à firma "Alexandre de Mendonça Alves, Lda." manteve-se arrendatária do espaço e creio ter sido a proprietária do Dancing "Arcádia" que ali se instalou, e que seria inaugurado em 5 de Fevereiro de 1932. Digo isto porque no Arquivo Municipal de Lisboa, existem pedidos de licenciamento para obras, em 7 de Abril de 1932, antes da inauguração do "Arcádia" e nos anos posteriores. Inicialmente, o "Arcádia" pouco alterou a decoração deixada pelo "Palace Stand" como se pode ver na foto seguinte.


Em 1930 a "Auto-Industrial" era nomeada sub-agente da "Chevrolet" para Coimbra, passando, a partir de 1932, a ser concessionária oficial.

19 de Fevereiro de 1956


Expositor da "Chevrolet" no "Salão Automóvel de Lisboa de 1934", no "Pavilhão de Exposições e Festas"


Quanto à região de Lisboa só consegui saber que em 1937 a firma "Diniz d'Almeida & Freitas, Lda." localizada na Avenida da Liberdade, era concessionária, juntamente com as marcas "Opel" e "Blitz". No mesmo stand funcionava a firma "Diniz M. d'Almeida" que já era representante da marca americana de automóveis "Buick", desde 1927.


Stand na Avenida da Liberdade das "Diniz d'Almeida & Freitas, Lda." e "Diniz M. d'Almeida"


Em 19 de Janeiro de 1947 a "Sorel, Limitada" é nomeada concessionária da "General Motors Overseas Corporation - Lisbon Branch" para o distrito de Lisboa, passando a comercializar os automóveis e camions da "Chevrolet", além das outras marcas do grupo GM, "Oldsmobile" e "Cadillac".


Instalações na Rua Vasco da Gama, em Lisboa


1947


No final de 2015, devido às complicações contínuas do mercado europeu e uma "Opel" em dificuldades, levaram a GM a decidir retirar a "Chevrolet" da União Europeia. Quanto a Portugal a assistência técnica e peças "Chevrolet" ficou assegurada pelos seus antigos concessionários.

2 comentários:

Valdemar Silva disse...

Interessante.
Não sabia que na 'Taverna Imperial', anteriormente, tinha sido o Stand da Chevrolet.
Como curiosidade, pela mesma época e no lado oposto da Praça dos Restauradores, no nº. 34, havia outro Stand de automóveis americanos da marca Dodge e Plymouth.
Evidentemente, em Dezembro de 1930 o 'Eden' era num edifício diferente do que aparece no foto.

Cumprimentos
Valdemar Silva

José Leite disse...

Caro Valdemar Silva

O stand que fala era da "Guérin, Lda.", (nesse local desde a sua fundação em 1918) na altura que ainda era importador da "Fargo", "Chrysler" e "Plymouth".

Poderá revê-lo neste blog no artigo acerca da história da "Guérin, Lda.", no seguinte link:

https://restosdecoleccao.blogspot.com/2014/06/guerin-lda.html

Cumprimentos
José Leite