Restos de Colecção: Restos de Colecção na "Time Out Lisboa"

15 de maio de 2021

Restos de Colecção na "Time Out Lisboa"

Retomando as suas edições em papel, na versão "premium" e com edição trimestral, a "Time Out Lisboa" saiu hoje com a primeira dessas revistas, para a qual tive o privilégio de ser entrevistado pela jornalista Renata Lima Lobo.

Dou conhecimento aos meus amigos leitores, visitantes e seguidores (alguns de muitos anos) do meu blog o artigo em questão, não para autopromoção mas como agradecimento a esta prestigiada revista, e à sua jornalista Renata Lima Lobo, que me deram a honra da entrevista.

O meu obrigado à "Time Out Lisboa" e, como sempre, aos amigos deste blog que vão permitindo que as «coisas aconteçam».

José Leite


clicar para ampliar


foto in: Revista "Time Out Lisboa"

16 comentários:

Margarida Elias disse...

Muitos parabéns! Bem merecido.

João Celorico disse...

Nem mais!
Os meus sinceros parabéns e o meu pequeno agradecimento para obra de tal envergadura. Porém, como dizem que quem corre por gosto não cansa, espero que o seu prazer suplante todo o esforço.
Votos de muita saúde.

Bem haja,
cumprimentos

João Celorico

José Leite disse...

Margarida Elias e João Celorico,

Muito grato pelas vossas amáveis e encorajadoras palavras.

Reproduzo aqui parte duma estrofe de "Os Lusíadas", como resposta ao João Celorico:

"Cantando espalharei por toda parte,
Se a tanto me ajudar o engenho e arte."

Cumprimentos
José Leite

Victor Carocha disse...

Considero que se trata de uma distinção muito merecida.
Este seu blogue é um regalo para os olhos e uma referência na qualidade e quantidade de informação. Que continue a deliciar-nos por muitos mais anos.
Parabéns!

José Leite disse...

Muito obrigado pelo seu simpático comentário.

Cumprimentos

Appio Sottomayor disse...

Quando descobri os "Restos de Colecção", passei a ser fiel seguidor. Qualquer homenagem que seja prestada ao grande "coleccionador" é inteiramente merecida. Por isso a esta me associo. Appio Aottomayor

manuel.m disse...

Para quando a medalha da cidade ?Muitos a têm recebido por muito menos.Um lisboeta nascido na Freguesia dos Restauradores,(já desaparecida),baptizado na Igreja de S.Domingos,já lá vão 77 anos e que vive longe, mas que graças a este Blog tem mantido o contacto com a sua cidade natal e que lhe agradece comovido.

José Leite disse...

Ao Sr. Appio Sottomayor muito agradeço as suas palavras

Ar Sr. Manual M. resta-me, além de agradecer igualmente a sua simpatia, dizer que medalhas não estou à espera sinceramente.

PoPbAnGpt disse...

Um excelente trabalho

Luciano Canelas disse...

Mas qual medalha o que conta é a obra, tantos que foram medalhados e só fizeram coisas que não deviam de ter feito. Caro José Leite, queremos é continuação, muita saúde e um grande abraço.

José Leite disse...

Caro Luciano Canelas

Grato pelo seu comentário e corroboro plenamente com a sua opinião.

Um abraço
José Leite

Dulce Delgado disse...

É sempre interessante conhecer a pessoa que está na retaguarda de tanta investigação e histórias.
Muitos parabéns pelo excelente trabalho!

José Leite disse...

D. Dulce Delgado

Muito grato pelo seu amável comentário

Os meus cumprimentos

Anónimo disse...

Muitos parabéns.

E que agradável é finalmente ver a pessoa que há tantos anos leio.


Cumprimentos,
João C. Branco

leunam disse...

Sr. José Leite

Aquando da sua prolongada ausência fiquei deveras apreensivo.
Com muita mágoa da minha parte, confesso que cheguei a julga-lo finado.
Após o recomeço do seu inestimável trabalho, voltou para mim o júbilo e o enorme prazer de o saber vivo e a dar vida a tanta coisa do nosso passado.
É para mim uma enorme satisfação visitar este seu trabalho sempre repleto de motivos que por uma razão ou por outra me agradam e interessam.
Todos nós esperamos, no nosso dia a dia, uma agradável surpresa e este seu trabalho tem para mim esse condão; por isso, por aqui passo com frequência.
Muita saúde lhe desejo e envio os meus parabéns por este excelente Blogue.
Meus cumprimentos
Manuel

José Leite disse...

Caro Sr. Manuel

Muito obrigado pelas suas amáveis palavras e estima pelo meu trabalho.

Para mim é, igualmente, uma enorme satisfação ver o meu trabalho reconhecido e elogiado pelos meus amigos leitores, dos quais o sr. Manuel é um exemplo.

Os meus melhores cumprimentos
José Leite