Restos de Colecção: Fábrica de Tecidos de Seda F

15 de dezembro de 2019

Fábrica de Tecidos de Seda

A "Fábrica de Tecidos de Seda", foi fundada em 1855 por Francisco José Nogueira, na Rua da Alegria, na cidade do Porto.



Francisco José Nogueira nasceu em 1826 e, desde cedo, dedicou-se à arte tecelão. Em 1855, inaugurou a sua fábrica. Os seus produtos:as sedas,os cetins e os veludos inundaram o mercado, por diversas vezes foram presentes em exposições, nomeadamente a Exposição Internacional de 1865, a Exposição de Siricicultura de 1866 entre outras. Nos finais do século XIX, Francisco José Nogueira fazia parte do leque dos notáveis industriais do sector das sedas.

  Francisco José Nogueira


A sua fábrica, além de constituir uma unidade muito particular no sector, dispunha já de uma máquina a vapor cilíndrica, demonstrando um investimento tecnológico na época.






Em 1920 José Vitorino Ribeiro descrevia, deste modo, uma sala da "Fábrica de Tecidos de Seda":

«É nesta sala que se prepara e ordena todo o expediente dos serviços da fabrica, no tocante aos trabalhos a iniciar ou já em andamento. Representa o reservatorio de nutrição do machinismo, o orgão destributivo da matéria-prima que, depois de submetida às diversas phases de fabrico, se transforma nas differentes especies de tecidos, em todas as larguras, côres e qualidades adapataveis às numerosas utilizadas de adorno e de vestuário, desde a simples fita de chapéu de homem até ao estofo precioso das toilettes femininas de cerimónia.»





Em 1883, Francisco José Nogueira entrega a direcção da empresa a António Francisco Nogueira, seu filho, passando a mesma a designar-se por "F. J. Nogueira, Filho & Cª." Este realizaria vários investimentos na empresa, aumentando-a e diversificando os sectores. As suas capacidades viria a ser reconhecidas quando assume o cargo de Presidente da "Associação Industrial Portuense" (fundada em Maio de 1849), entre 1903 e 1908.

Stand na "Exposição Industrial Portugueza" no "Palácio das Exposições e Festas" em 3 de Outubro de 1932


Dezembro de 1907


A empresa passou por vários ciclos, tendo encerrado nos inícios dos anos 70. Actualmente, o espaço da antiga "Fábrica de Tecidos de Seda" foi adaptado ao Centro Comercial que se estende desde a Rua da Alegria até à Rua Fernandes Tomás. Primeiramente sob o nome de "Porto Gran Plaza" - Shopping Center, tendo mudado de designação para o actual o "La Vie Porto Baixa" - Shopping Center.


Frente do "La Vie Porto Baixa" - Shopping Center. para a Rua da Alegria




Sem comentários: