5 de novembro de 2012

Vidago Palace Hotel

O "Vidago Palace Hotel" inserido no complexo das "Águas de Vidago", e promovido pela "Sociedade Vidago e Pedras Salgadas", foi inaugurado em 6 de Outubro de 1910.

O rei D. Carlos I não chegou a ver o projecto tomar forma, em virtude do seu assassinato em 1 de Fevereiro de 1908. O mesmo aconteceria com o seu filho e sucessor, D. Manuel II, que foi deposto pela revolução republicana em 5 de Outubro de 1910 – na véspera da data prevista para a inauguração do "Vidago Palace Hotel".

                                                                          Projecto original de 1907

                                     

Este empreendimento, promovido pela "Empreza das Águas de Vidago" orçou em 300 contos de réis, uma fortuna para a altura. Neste importante e grandioso empreendimento tomaram parte personalidades de destaque da finança e da política portuguesas, como os Condes de Mendia e de Caria, os banqueiros Fonseca, Santos e Vianna e o conselheiro Teixeira de Sousa, último Presidente do Conselho de Ministros da Monarquia.

                                                                                          1923

                                           

O "Vidago Palace Hotel" teve, sucessivamente, dois projectistas. Um primeiro projecto pertenceu ao arquitecto Miguel Ventura Terra, mas o projecto que foi aoptado para a construção foi o de António Rodrigues da Silva Júnior , mantendo muitas semelhanças à fachada desenhada por Ventura Terra, incluída numa proposta de hotel monumental, baseada no modelo francófono que dera origem à construção de outros hotéis no centro da Europa. O hotel proposto, com capacidade para quatrocentos hóspedes, foi previsto para uma das encostas que delimitam o vale, e o acesso seria feito por teleférico (encosta atrás do Vidago Palace ). Deveria chamar-se "Grande Hotel do Monte". No entanto, o orçamento era superior ao montante que a "Empreza das Águas de Vidago" estava disposta a despender e a proposta inicial foi revista e alterada.

                              

O hotel acabou por ser construído na planície do vale da Ribeira de Oura, junto à nascente descoberta em 1863, e ligado à estação de comboio por uma larga avenida. As obras começaram em Março de 1908 e terminaram em Setembro de 1910. O edifício surgiu num estilo mais depurado do que a proposta inicial, mantendo o aspecto inconfundível de grande hotel europeu, do qual sobressaí a imponência do átrio, com colunas clássicas e lances cruzados de escadaria. Apropriadamente foi-lhe dado o nome de "Vidago Palace Hotel". O projecto foi na altura entregue à "Empresa Construtora do Porto".

                                        Entrada                                                                    Grande Lago e o Hotel

  

    "Chalet Suisso" para venda de tabaco                                                    Terraço do hotel

  

                                                                        Perspectivas do Grande Lago

 

O edifício mede 100 metros de frente por 12 metros e meio de largura. O edifício compreende caves e mais 4 andares, a superfície total de pavimentos em todos os andares, sem contar com a casa de jantar e o salão de festas, que têm a altura de 2 andares, é de 8.032 metros quadrados.

No início tinha 120 quartos, cujos preços iam de 2$000 a 3$000 réis, e estava aberto somente entre 8 de Junho e 30 de Setembro de cada ano.

                                                                        Vestíbulo e hall de entrada

                                  

«Havia, em cada andar, uma secção de banhos de imersão e duche. Além disso não há sala ou quarto, na enorme vastidão do edifício, que não tenha telefone, comunicando com a central, que fazia as ligações, com o pessoal da casa ou qualquer outra sala ou quarto. Os telefones representando uma inovação em hotéis portugueses, constituem uma raridade mesmo em hotéis no estrangeiro».
«Numa das cozinhas vê-se um corpulento fogão de moderno fabrico, em que pode cozinhar-se para 500 pessoas, com caldeiras de pressão, que chegam para abastecer de água quente os banhos de todos os andares. O trem de cozinha, em cobre, é de 3000 quilos de peso». in Ilustração Portugueza

                                                                    Fotos no ano de inauguração 1910

                                      Sala de estar                                                                  Sala de fumo

     

                         Ascensor                                                                             Cozinha

               

                                        Sala de jogo                                                                    Salão de festas

     

A instalação eléctrica foi montada pela companhia "Limers". Foi construído um pequeno edifício para albergar as máquinas geradoras de 45 cv cada. Nesta central geradora a bateria de acumuladores podia alimentar só por si 400 lâmpadas durante 5 horas. Os candeeiros do 1º andar eram verdadeiros objectos de arte, manufacturados, de propósito, nas melhores fábricas existentes na Alemanha.

No 1º andar existiam quartos inteiramente isolados do resto do Hotel, destinado a hóspedes afectados por doenças agúdas ou infecciosas, para evitar contágios.

                                                                           Sala de «conversação»

                             

                                                                                         Sexteto

                                                   

                                              Sala de leitura                                        Escadaria nobre

                           

                                                                               Salão de jantar

                             

Em 1936, o "Vidago Palace Hotel" foi enriquecido com a abertura de um percurso de golfe de 9 buracos, projectado pelo famoso arquitecto escocês de campos de golfe Philip Mackenzie Ross. Graças à arquitectura notável deste hotel, à paisagem luxuriante e às propriedades supostamente curativas das suas termas de água mineral, continuou a atrair visitantes, mesmo durante a Segunda Guerra Mundial, quando Portugal se manteve relativamente estável e neutral.

A era do pós-guerra viu a fama do "Vidago Palace Hotel" aumentar com a chegada de famílias da alta sociedade ao resort nas décadas de 50 e 60 para desfrutarem de chás dançantes e de passeios no parque.

                                                                                           1913

                                            

                                            1946                                                                                       1953

        

                                                                             Etiqueta de bagagem

                                                

Os arquitectos de interiores José Pedro Lopes Vieira e Diogo Rosa Lã, em colaboração com o famoso arquitecto Álvaro Siza Vieira e com o apoio da UNICER, proprietária do "Vidago Palace", trabalharam diligentemente para recuperarem e ultrapassarem o esplendor deste hotel. Juntos, reconstituíram uma era de esplendor através de uma meticulosa restauração complementada por um luxo moderno. Graças aos seus esforços, o "Vidago Palace" pode orgulhosamente reivindicar a sua posição de hotel europeu de luxo e de resort de golfe e termal de nível internacional.

Foi reinaugurado em 6 de Outubro de 2010 por ocasião dos 100 anos da sua inauguração em 6 de Outubro de 1910.

     

Actualmente inserido na cadeia "Leading Hotels of the World", com 70 quartos e suites, os hóspedes têm assegurada uma experiência única ao acederem às inúmeras facilidades que o "Vidago Palace" tem para oferecer.

• 4 restaurantes
• 4 bares
• Sala de fumadores
• Biblioteca com equipamento multimédia
• Campo de golfe de 18 buracos desenhado por Cameron & Powell
• Spa incluindo hidroterapia e tratamentos termais
• Ginásio
• 2 piscinas (uma interior com 15m e uma exterior com 25m)
• Centro de conferências totalmente equipado
• Automóveis com motorista

 

                         

 

fotos in: Hemeroteca Digital, Delcampe.net, Vidago Palace

4 comentários:

manuel marques Arroz disse...

Imponência e bom gosto.

Abraço.

José Leite disse...

Caro Manuel Arroz

Grato pelo seu comentário

Abraço

José Leite

Júlio disse...

Caro José Leite,

Diaramente visito o seu blog mas hoje fiquei contente em ler o seu post sobre o hotel Vidago Palace, uma vez que sou de Vidago. Caso queira ver mais imagens sobre esta vila termal, pode consultar o meu blog. Todo o material publicado faz parte da minha pequena colecção.
Cumprimentos,
Júlio Silva
http://vidagoimagens.blogspot.pt/

José Leite disse...

Caro Júlio

Já conheço o seu blogue, que muito aprecio. Bem apresentado e bem documentado.

Grato pela sua visita, comentário e disponibilidade.

Cumprimentos

José Leite