9 de fevereiro de 2012

Parque Aeronáutico de Alverca

Em 1918, é criado o “Parque de Material Aeronáutico”, que se instala em Alverca do Ribatejo, no concelho de Vila Franca de Xira entre a via-férrea e o rio Tejo. Este Parque é criado ao abrigo da reorganização do «Serviço Aeronáutico Militar», publicada em 29 de Julho de 1918. A sua actividade em 1918, estava centrada na manufactura, sob licença, de aviões e motores para a aviação militar, empregando logo neste ano 150 trabalhadores.

                                         Hangar principal e à esquerda o «Hangar Geodésico do Balão»

                                  

                                                    Imagem aérea do Parque Aeronáutico de Alverca

                                   

Em 1926 tiveram início as obras do futuro complexo aeronáutico sob o projecto de arquitectos do gabinete alemão “Aeroplaning GmbH” e do engenheiro Rolf Schmalor. O «Hangar Geodésico do Balão» (único no mundo) na foto anterior, foi construído em 1926 concebido para montagem e reparação dos aviões.

                                                               Portão das Águias das OGMA  em1926                                                                     

                                     

                                Director da Pista Internacional, o capitão aviador Santos Leite num «Avro» 504 K

                                      Director da Pista Intern. Cap. Avia. Santos Leite

                                                                      Montagem de um «Avro» 504 K

                                      

                              Pista de aviação                                                                     «Nieuport» Ni 21, de 1919

         

Em 14 de Fevereiro de 1928 o “Parque de Material Aeronáutico de Alverca” passa a designar-se “Oficinas Gerais de Material Aeronáutico” (OGMA), que desde logo, desempenha um importante papel no emprego e fixação da população na região.

      «Breguet» br-14 A2 (1919-1932) do Grupo Independente de Aviação e Bombardeamento (G.I.A.B.) em Alverca

         

                                  «Junkers» dos “SAP – Serviços Aéreos Portugueses” de partida para Madrid

                                      

          

Curiosidade: Em 1927 Maria de Lourdes de Sá Teixeira, foi a primeira portuguesa a tirar o «brevet» de piloto, na Escola de Aviação na Granja do Marquês em Sintra.

                                                                           Maria de Lourdes de Sá Teixeira

                             

fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian, Ex-Ogma

12 comentários:

JFS disse...

Sobre a construção dos primeiros hangares no PMA de Alverca, nos anos 20, não encontrei nada que confirmasse ter sido a Sorefame envolvida no processo. Por outro lado, a Sorefame aparece como tendo sido criada sómente em 1943.
Abraço
José Santos

José Leite disse...

Caro JFS

Grato pela chamada de atenção. Realmente nõa verifiquei na altura a informação que obtive e ... "barraca".

Com certeza que não poderia ter sido a Sorefame.

Já retirei do texto essa passagem.

Um abraço

José Leite

JFS disse...

Acabei de confirmar, através do Diário da Republica, que a Sorefame esteve envolvida na construção do hangar principal do projecto Triton III em 1965, alias como está no documento do IPPAR. Em 1965 a MAGUE construiu o hangar 9 do F-104G e em 1966 a Materiais de Construção Prévis Lda, construiu o grande hangar 10. Sobre a evolução das OGMA até ao fim dos anos 50, ainda continuo na busca de informação.
Abraço
José Santos

Vítor Maia Costa disse...

Bom Dia
O meu nome é Vítor Maia Costa e sou técnico superior da área de cultura da Câmara Municipal da Lousã.
O capitão Santos Leite esteve na Lousã em 10 de Junho de 1922, acompanhado do Capitão Ribeiro da Fonseca. Tratou-se da inauguração da pista de aviação sita na Chã do Freixo.
Necessitava dos anos de nascimento e falecimento de Santos Leite, que não encontro em lado algum.
Será que me pode ajudar? Ou dar-me algumas pistas?
Grato pela atenção
Cumprimentos
Vítor Maia Costa

José Leite disse...

Caro Vítor Costa

Lamento não o poder ajudar no que me pede.

Duas hipóteses:

Contactar o editor do blog http://ex-ogma.blogspot.pt/, que talvez o consiga ajudar.

Contactar a Força Aérea Portuguesa.

Os meus cumprimentos

J. Leite

Anónimo disse...

Caro Vítor Costa,

O meu avô paterno Cap aviador José Santos Leite nasceu em Telhado-Penacova em 1893 e morreu em 1929 num acidente de aviação em Alverca.
Tirou o "brevet" em França em 1917 quando combateu na Primeira Guerra Mundial onde foi inclusivamente gaseado.
Existe uma lápide de homenagem do lado direito do Tribunal de Penacova debaixo do magnífico caramachão do Raúl Lino.

Gonçalo Nuno Santos Leite

Anónimo disse...

Caro Vítor Costa,

A informação anterior não está correcta. O Major José Barbosa dos Santos Leite nasceu em Telhado a 21 de Março de 1884 e faleceu em Alverca em 31 de Novembro de 1928 com 44 anos.

Cumprimentos,

Gonçalo Nuno Santos Leite

Sergio Fugazza dos Santos Leite disse...

CARO JFS

PARABÉNS PELO TRABALHO REALIZADO, SOU SERGIO FUGAZZA DOS SANTOS LEITE, BRASILEIRO NETO DO MAJOR SANTOS LEITE, CONFIRMO AS INFORMAÇÕES DE GONÇALO, ESTIVE EM ALVERCA NO MUSEO DA AVIAÇÃO E VISITEI TAMBÉM A LAPIDE EM HOMENAGEM A MEU AVÕ. CASO TENHA FOTOS DE MEU AVÕ FAVOR ENVIAR VIA EMAIL FICAREI MUITO FELIZ
EMAIL= sfsleite@gmail.com

MUITO OBRIGADO

Sandro disse...

Muitos Parabéns pelo excelente site, imagens e História aérea dos Açores.
Abraço
Sandro Almeida

José Leite disse...

Caro Sandro Almeida

Muito grato pelas suas amáveis palavras

Abraço

José Leite

Mcalberto disse...

Bom dia

Estando a consultar o seu blogue e a propósito de acidentes de aviação em Portugal, pude verificar uma pequena inexatidão sobre a data do falecimento do Major Barbosa Santos Leite e do Capitão Salgueiro Valente em Alverca quando tripulavam um Breguet. O Acidente e o falecimento ocorreu mais precisamente no dia 30 de novembro e não no dia 31 como é referido num comentário.
Cumprimentos
Carlos Marques

José Leite disse...

Boa tarde

Realmente o mês de Novembro termina a 30 ....

Com os meus agradecimentos, os meus cumprimentos

José Leite