30 de agosto de 2009

Sr. Feliz e Sr. Contente

Estávamos no ano de 1975 e Nicolau Breyner lançava Herman José (por acaso para preencher 3 minutos de vazio do programa!....e que estava dando os primeiros passos no teatro de revista), no sketch “Sr. Feliz e Sr. Contente” num programa de variedades da RTP que se chamava País das Maravilhas, gravado no Frou-Frou, sala que viria a ser ocupada pelo bingo do Sporting e mais tarde demolida para dar origem a um acesso à estação de metro do Campo Grande.

A par das aparições de fim de semana no “Passeio dos Alegres”, de Júlio Isidro, fazendo o sketch de "Tony Silva" foi nestes dois programas que Herman José se tornou conhecido do grande público. Neste programa País das Maravilhas, Nicolau Breyner mostrava também o seu grande talento para a comédia. Para mim um dos grandes comediantes portugueses que enveredou pela carreira de actor realizador e produtor de novelas.

                                                   Capa do disco da música deste sketch

                                  

"Como passa Sr. Contente?
Como está meu caro e amigo e Sr. Feliz?
Diga à gente, Diga à gente
Como vai este país..."

Um refrão ainda hoje seria bem actual.

Sem comentários: