17 de maio de 2013

A Construtora Moderna

“A Construtora Moderna, Lda.”, fundada em 1944, foi uma empresa dedicada à metalomecânica pesada, com a sua fábrica, oficinas e sede instaladas na Avenida da Índia, na zona de Pedrouços em Lisboa.

                                

                                          1944                                                                                        1948

 

 

Em 1966, a SACOR - Sociedade Anónima de Combustíveis e Óleos Refinados viria a entrar na constituição do capital social, participando deste modo na passagem da empresa “A Construtora Moderna, Lda.”, a sociedade anónima SARL., passando a designar-se simplesmente “Construtora Moderna S.A.R.L.”.

 

                                  

  

Em 1971 desenha-se a reestruturação na indústria metelomecânica pesada em Portugal, iniciada com a venda da participação da SACOR na empresa “Construtora Moderna S.A.R.L.” para a Sorefame - Sociedades Reunidas de Fabricações Metálicas, S.A.R.L.”, a separação da Cometna e da Sepsa do grupo Champalimaud, a criação da Mompor e da da Equimetal a partir da divisão metalomecânica da “CUF - Companhia União Fabril.

 

                            

                                 

 

Em 1976, o panorama da indústria metalomecânica pesada em Portugal, era formado pelas seguintes empresas:

Cometna - Companhia Metalúrgica Nacional, S. A. R. L.
Construtora Moderna, S. A. R. L.
Construções Metálicas Mague, S. A. R. L.
Efacec - Empresa Fabril de Máquinas Eléctricas, S. A. R. L.
Equimetal - Empresa Fabril de Equipamentos Metálicos, S. A. R. L.
Mompor - Companhia Portuguesa de Montagens Industriais, S. A. R. L.
Motra - Equipamentos Eléctricos, S. A. R. L.
Sepsa - Sociedade de Construções Electromecânicas, S. A. R. L.
Sorefame - Sociedades Reunidas de Fabricações Metálicas, S. A. R. L.

Em 1987, é constituída a “SMM - Sociedade de Montagens Metalomecânicas, S.A.” resultante da reestruturação das actividades da “Mompor” e da “Construtora Moderna SA”  já integrada no grupo “Sorefame. Esta empresa iria dedicar-se à produção de equipamentos hidráulicos, material de caminho de ferro, construções metálicas, caldeiraria pesada e tubagens.

 

 

 

fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian (Estúdio Mário Novais)

Actualmente, com mais de vinte e cinco anos de história, a “SMM - Sociedade de Montagens Metalomecânicas, S.A.”, tem sede na Quinta da Fonte em Paço de Arcos, e armazenamento e manutenção de equipamentos e stock de materiais em Albarraque - Sintra.

Além de ter tido na sua génese as mais antigas empresas portuguesas de engenharia onde se destacavam a Mompor do Grupo CUF e a Construtora Moderna do grupo Sorefame, vieram a juntar-se-lhe mais tarde, no âmbito do Grupo ABB, as divisões de montagem metalomecânica  da Sepsa e da Mague. No ano 2000 viria a ser incorporada também a “Mague - Equipamentos de Movimentação, S.A.”.

                                                                        

Em 2007 e no seguimento da decisão do Grupo ABB de alienar os negócios não nucleares, nos quais se inseria a SMM, a empresa é vendida aos seus principais quadros através de uma operação de «management buy-out».

A “SMM - Sociedade de Montagens Metalomecânicas, SA”, é hoje, em Portugal,  uma das maiores e mais respeitadas empresas de montagens mecânicas de equipamentos e instalações industriais,  com uma vasta experiência  e excelente reputação entre empresas  europeias na área de grandes contratos.

Sem comentários: