6 de novembro de 2013

Hotel de Turismo da Ericeira

O “Hotel de Turismo da Ericeira” propriedade do ericeirense Raúl Duarte Gomes, foi inaugurado em 9 de Junho de 1956.

Anúncio em 29 de Outubro de 1956

A vila da Ericeira, próxima de Lisboa e pertencente ao concelho de Mafra, era a praia de banhos da família real no século XIX. E foi aí que ela embarcou para o exílio em Londres, às 15 horas do dia 5 de Outubro de 1910, aquando da revolução para a implantação da República.

Embarque da família real com destino ao Iate Amélia

“ (...) os automóveis pararam e apeou-se a Família Real, seguindo da rua do Norte para a rua de Baixo, pela estreita travessa que liga as duas ruas, em frente quase da travessa da Estrela (...) Ao entrar na rua de Baixo, a Família Real ía na seguinte ordem: na frente El-Rei D. Manuel; a seguir, D. Maria Pia, depois, D. Amélia (...) El-Rei, e quem o acompanhava, subiram para a barca, valendo-se de caixotes e cestos de peixe (...) O sinaleiro fez sinal com o chapéu, e a primeira barca, Bomfim, levando a bandeira azul e branca na popa, entrou na água e seguiu a remos, conduzindo El-Rei (...). A afluência nas Ribas era imensa. Tudo silencioso, mas de muitos olhos corriam lágrimas (...)”

Em 1843 tinha serviço de Correio, Telégrafo e Telefone, Capitania do Porto, Misericórdia, Hospital, Asilo, Junta de Turismo, Agência Bancária de Seguros e de Navegação, Fábricas de Conservas, Casino, Casas de Espectáculos e Recreio, Filarmónica, Guarda Fiscal e Bombeiros Voluntários.

Com a realeza a dar o tom, chegam, na última década do século XIX e nos primeiros anos do seguinte, nobres e distintas famílias, como os Ulrich, Castro Pereira, Burnay, Rivotti, Nobre Guedes, Teixeira Pinto e os titulares marqueses de Almoster e de Abrantes e condes de Barroco. Constroem chalets e palacetes sobranceiros ao mar para melhor contemplarem as vistas.

Lugar onde seria implantado o chalet da família Ulrich (na foto da direita)

 

Foi num destes chalets que o “Hotel da Ericeira” se instalou, no chalet da família de João Ulrich. Depois de demolido viria a ser construído no mesmo terreno o “Hotel de Turismo da Ericeira”.

O primitivo Hotel da Ericeira instalado no antigo chalet da família Ulrich

Este Hotel à data da sua inauguração, tinha 50 quartos com banho privativo, e além de outros equipamentos como campo de ténis, praia privativa, etc tinha um Bar-Dancing «único no género em todo o país», mobilado e decorado pela prestigiada “Companhia dos Grandes Armazéns Alcobia” de Lisboa.

 

 

 

Rótulo de bagagem

Anos mais tarde, e ainda antes da sua primeira ampliação, o “Hotel de Turismo da Ericeira”, passou a contar com uma piscina privativa.

Este Hotel foi, ao longo dos anos, sucessivamente ampliado, e para tal viriam a ser construídos, posteriormente, mais dois edifícios anexos ao inicial, aumentado significativamente a oferta em número de quartos.

 

Depois de ser adquirido pelo grupo "Vila Galé Hotéis", e depois de profundas obras de remodelação, recuperação e ampliação, é inaugurado em 2002, com a designação de "Hotel Vila Galé Ericeira", com a categoria de 4 estrelas, e com 202 quartos.

Imagens do actual “Hotel Vila Galé Ericeira”

  

 

fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian, Delcampe.net, A Casa das Casas, Azulejos da Minha Terra, Hotel Vila Galé Ericeira

Sem comentários: