12 de abril de 2013

Aeroporto de Faro

O “Aeroporto de Faro” foi inaugurado pelo Presidente da República Almirante Américo Tomaz em 11 de Julho de 1965, depois deste ter pernoitado na “Pousada de S. Brás de Alportel” na Serra do Caldeirão no Algarve.

                            Chegada do Presidente da República Almirante Américo Tomaz  para a inauguração

                                        

                                         Maqueta do projecto do Aeroporto de Faro numa brochura da época

                                

O aeroporto foi oficialmente inaugurado com a chegada do «Lockheed Super Constellation» L-1049G da TAP proveniente de Lisboa, e que transportou entre os seus 84 passageiros o Ministro das Corporações, o secretário de Estado da Aeronáutica, o Secretário Nacional de Informação, o Ministro dos Transportes da Alemanha - especialmente convidado por o aeroporto de Faro ser o último duma série de empreendimentos financiados por empréstimos alemães - e outras individualidades.

                                              «Lockheed Super Constellation» L-1049G da TAP na inuguração

                                 

                                         Inauguração do Aeroporto de Faro (11 Julho) (1)

Após as cerimónias de inauguração, o aeroporto entrou logo em funcionamento, com a partida do regresso do avião a Lisboa, e de avionetas que ali se deslocaram para a inauguração. A 13 de Julho iniciaram-se as carreiras regulares da TAP programadas para as quintas-feiras e sábados.

Nesse dia 11 de Julho de 1965 o primeiro vôo registado neste aeroporto seria, contudo, um «Douglas» DC-3 da “DGAC - Direcção Geral da Aeronáutica Civil”, tendo aterrado às 9h59m da manhã. Juntamente com o atrás mencionado «Lockheed Super Constellation» L-1049G da TAP, também um «Douglas» DC-3 da DGAC (Direcção Geral da Aeronáutica Civil) transportaria as entidades oficiais.

                                                   O Aeroporto de Faro durante as cerimónias da inauguração

  

                                                                     Torre de Controle do Aeroporto de Faro

                                  

Lembro que  em finais de 1960, já se  previa o início da construção deste aeroporto para o início de 1961 e início da utilização da pista principal no início do Verão do mesmo ano. Para o mesmo ano de 1961 previa-se, também, a conclusão do “Aeroporto da Portela” (Lisboa), prolongamento da pistados 1.500 mts. para os 1.800 mts. do “Aeroporto de Pedras Rubras” (Porto) e início da construção dos aeroportos da Madeira, e de Santana na ilha de S. MIguel nos Açores. Este último ligaria com os aeroportos internacionais de Santa Maria e das Lajes, essencialmente para as carreiras internas e as ligações com o  Continente.

O “Aeroporto de Faro” dispunha duma pista de 2.400 metros de comprimento, prolongável até 3.000 metros, «capaz de receber qualquer tipo de avião corrente de médio curso e de servir de alternante ao aeroporto de Lisboa, mesmo no caso de aviões de longo curso.»

                                                Fotografia aérea do Aeroporto de Faro ainda em construção

                                 

Na primeira fase foram dispendidos 66.000 contos, tendo sido investidos mais 47.000 contos durante os três anos seguintes. «O total do investimento com as obras, instalações e material de primeiro estabelecimento atingirá pois um valor superior a 100 mil contos.»

                                       Fotografias do Aeroporto de Faro nos inícios dos anos 70 do século XX

                                

  

                                                      

Um ano depois da sua entrada em funcionamento o “Aeroporto de Faro” apresentava um movimento de 58.585 passageiros. Em 2010 o número total anual de passageiros foi de 5.345.394.

Para fazer face ao aumento do trânsito, o aeroporto foi ampliado e substancialmente modernizado nos últimos anos. É dotado de duas pistas com 2.490 metros de comprimento e 45 de largura pelo que está habilitado a receber todos os tipos de aviões.

                                                                         Aeroporto de Faro actualmente

  

                                        

A maior parte do tráfego do aeroporto de Faro é doméstico e europeu. Duas companhias aéreas mantêm em Faro actualmente uma base de operações: “Ryanair” e “TAP Air Portugal”.

fotos in: Blog Turismo do AlgarveANA - Aeroportos de Portugal

2 comentários:

ié-ié disse...

Boa tarde. O aeroporto foi mesmo inaugurado em 1961? Tinha a ideia de que tinha sido a 11 de Julho de 1965.

Cumprimentos,

LPA

José Leite disse...

Caro Luís

Tem toda a razão. Foi erro.

Na revisão do texto nem dei por isso.

Grato pela correcção

Cumprimentos

J.Leite